DICA: "Destruição"

April 27, 2017

Porque seus cães roem tudo?

 

 Os cães são capazes de fazer um estrago com os dentes, quem já teve um roedor em casa, sabe disso.

As motivações para roer são diferentes e por isso devemos considerar como um sinal ou um sintoma de outra causa.

Antes de chamar seu cachorro de destruidor, é importante entender por que ele está roendo tudo.

Os filhotes aprendem  tudo sobre seu ambiente através da boca. É como se fosse a fase oral das crianças, eles precisam colocar tudo na boca para matar a curiosidade.

Em geral, coloca-se a “culpa” na troca dos dentes. Por volta dos 4 meses, os filhotes têm seus dentes de leite substituídos por dentes definitivos. Morder tudo pode facilitar esta troca e aliviar o desconforto nas gengivas, mas este não é o principal motivo.

Os alvos da destruição são variados, podem ser os sapatos, móveis, papéis, quinas de paredes…

A primeira medida para evitar maiores estragos, é manter o filhote num cercadinho, mas nem sempre isso é possível. O filhote pode ficar no mesmo ambiente que os donos, mas sem destruir nada. Quando o filhote fica solto, é melhor retirar os itens mais valiosos (ou frágeis) do alcance dele, ou então você poderá contratar um profissional para educar seu cãozinho.
Para deixar o filhote sozinho em casa por períodos mais longos, o cercadinho é muito pequeno e ele não terá como evacuar e defecar na área indicada. O ideal é deixá-lo numa área ou cozinha com opções de brinquedos para morder e se distrair.

Infelizmente, nem todos os filhotes param de roer quando crescem. Por isso a necessidade de se contratar um adestrador para resolver esses problemas desde filhote. Na verdade, os piores roedores são cães jovens adultos. Cães de raças esportivas (labrador, por ex.) e muito agitadas são mais propensos a destruição e podem demorar até os 2 ou 3 anos de vida para acalmar. Porém o adestramento e a educação comportamental pode resolver seus problemas em algumas aulas, deixando seu cão mais calmo educado e comportado.

Os adultos

 

que roem muito costumam ter uma razão por detrás deste comportamento.

O medo, stress, ansiedade por falta de atividades físicas. (Saiba mais em https://goo.gl/PGAcHg ) fobia de barulhos altos (trovão, fogos) e a sensação de abandono são as mais frequentes. Na tentativa de escapar de casa e seguir seu dono, um cão é capaz de cavar uma porta ou parede até fazer um buraco. Para aliviar a ansiedade, um cão procura sapatos, almofadas entre outros objetos para morder. Nestes casos, não é recomendado deixar o animal confinado por causar mais panico ainda. Em geral, ha ansiedade de separação (saiba mais em https://goo.gl/KDtDiJ ) ocorre assim que o animal fica sozinho e a melhor maneira de confirmar é deixando uma câmera ligada. O que observamos é um animal ansioso que começa a latir, chorar, uivar, cavar, destruir e até mesmo urinar e defecar poucos minutos depois que se percebe sozinho em casa.

Quando a causa é o medo de barulhos, a destruição só ocorre nos dias de tempestades, fogos ou tiros.

O tratamento para estes casos de ansiedade é tratar a própria ansiedade e não só se preocupar com a destruição. Devemos lembrar que se o animal está se comportando assim, é porque está desesperado, sofrendo muito. Alguns animais precisam de um tratamento complexo, envolvendo mudanças comportamento, medicação ansiolítica e dessensibilização.

Para os filhotes, o tratamento é mais simples, basta evitar o acesso aos objetos, realizar adestramento básico e oferecer bons brinquedos interativos. 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Entenda porque cães fogem de casa

October 24, 2019

1/10
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

ADESTRAMENTO & TERAPIA CANINA

Pague com:

  • Wix Facebook page
  • Instagram Social Icon